Últimas notícias »

SINDICATO  DOS  EMPREGADOS
EM TURISMO E HOSPITALIDADE
SÃO JOSÉ DO RIO PRETO E REGIÃO

entre em contato conosco
17 3203.0077
Esporte 11/10/2017 16:18:57 » Por

No Sport, Luxemburgo fica ao lado de Juninho

Acusado pela ex-noiva de agressão, jogador, de 18 anos, enfrenta problemas com a Justiça



Acusado de agredir a ex-noiva, o atacante Juninho recebeu o apoio do técnico Vanderlei Luxemburgo, nesta terça-feira, para atravessar momento complicado. O técnico do Sport evitou falar sobre o mérito da acusação. Atribuiu a apuração à polícia. Mas garantiu que, no clube, o jogador encontrará algum amparo e ajuda.

Luxemburgo foi perguntado como o assunto foi tratado internamente no Sport e questionado se ainda tinha Juninho nos planos para a equipe.

 
Juninho é visto como uma joia no Sport (Foto: Marlon Costa/ Pernambuco Press)

Juninho é visto como uma joia no Sport (Foto: Marlon Costa/ Pernambuco Press)

- É a primeira e última vez que vou responder esse assunto aqui porque isso é negócio para Polícia. Essa parte fica com o jogador lá fora. A pergunta é dura. Ele é jogador do Sport. É um menino de 18 anos - disse.

A pouca idade do atleta é um fator que Luxemburgo considera importante na condução do caso.

- Como você vai abandonar um menino de 18 anos? Como é que você não vai dar carinho a um menino de 18 anos? Como é que você não vai dar toda a estrutura para que um menino de 18 anos, que cometeu um equivoco, possa se encontrar? - indagou.

Polivalente, Patrick vai fazer terceira função diferente no Sport

 
Vanderlei Luxemburgo relacionou Juninho para jogo do Sport contra Vitória, na quinta (Foto: Marlon Costa/ Pernambuco Press)

Vanderlei Luxemburgo relacionou Juninho para jogo do Sport contra Vitória, na quinta (Foto: Marlon Costa/ Pernambuco Press)

 

Para Luxemburgo, o futebol pode ser uma ferramenta importante para o jogador, neste momento e no futuro - evitando que episódios semelhantes aconteçam novamente.

- Esse assunto não vai ser mais tratado aqui. Está proibido. Eu quero que ele jogue bola, que ele faça gol, que é isso que ele sabe fazer, jogar futebol. A pergunta procede, mas (questionar) se ele está nos planos é um pouco fora porque a gente não pode abandonar um filho. Ele está aqui dentro do clube como se fosse um filho nosso.

 

 


NOTÍCIAS RELACIONADAS

Rua Conselheiro Saraiva, 317 | Vila Ercilia | São José do Rio Preto - SP | Fones: 0xx (17) 3203-0077 | Diretor Presidente - Sergio da Silva Paranhos

Sindicato SETH - Todos os direitos - Desenvolvido por MaquinaWeb Soluções em TI