Últimas notícias »

SINDICATO  DOS  EMPREGADOS
EM TURISMO E HOSPITALIDADE
SÃO JOSÉ DO RIO PRETO E REGIÃO

entre em contato conosco
17 3203.0077
Brasil e Mundo 8/2/2018 15:10:49 » Por

Polícia investiga ameaça de vereador a jornalista

Vídeo de profissional mostra Mário Henrique Cardoso (PPS) em uma discussão na Câmara



Polícia Civil investiga o vídeo em que um vereador de Andradina (SP) foi flagrado ameaçando uma jornalista que cobria a primeira sessão da Câmara de Vereadores deste ano, na segunda-feira (5).

As imagens registradas pela própria jornalista Luana Carvalho mostram o vereador Mário Henrique Cardoso (PPS) em uma discussão.

Ele precisou ser segurado por pessoas que acompanhavam a reunião e, quando viu que estava sendo filmado, ameaçou a jornalista: “Eu mato você também”, diz o vereador no vídeo. (Veja o vídeo acima)

 
Vereador precisou ser contido por pessoas que acompanhavam sessão da Câmara em Andradina (SP) (Foto: Reprodução/TV TEM)

Vereador precisou ser contido por pessoas que acompanhavam sessão da Câmara em Andradina (SP) (Foto: Reprodução/TV TEM)

 

“Já houve outras ameaças antes, mas eu não tinha como provar. Ontem eu filmei toda a ação e decidi não deixar passar adiante porque até então eram ameaças de processo porque eu faço a cobertura da sessão desde fevereiro de 2014”, afirma Luana.

 

O caso foi registrado na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Andradina e o vereador deve ser intimado e ouvido nesta semana. A polícia informou que outros boletins de ocorrência já foram registrados contra o parlamentar pelo mesmo motivo.

 
 
Caso foi na Câmara de Andradina (SP) e conduta de vereador será investigada pela Polícia Civil (Foto: Reprodução/TV TEM)

Caso foi na Câmara de Andradina (SP) e conduta de vereador será investigada pela Polícia Civil (Foto: Reprodução/TV TEM)

O presidente da Câmara, Raimundo Justino de Oliveira (PEN), seria o indicado a informar se a conduta do vereador será investigada no legislativo, no entanto, ele foi preso recentemente por crime contra licitações depois de tentar fraudar um processo na prefeitura de São Joaquim da Barra (SP).

Ele foi liberado depois de pagar fiança mas corre risco de ser investigado pela Câmara em uma Comissão Especial de Inquérito (CEI).

O jurídico da Câmara informou que a Casa não foi notificada sobre a investigação da polícia contra o vereador Mário Henrique Cardoso e nem sobre a prisão do presidente Raimundo Justino de Oliveira, mas quando for informada uma CEI deve ser formada para investigar a conduta deles.

 
Departamento jurídico da Câmara de Andradina (SP) informou que não foi notificado sobre investigação (Foto: Reprodução/TV TEM)

Departamento jurídico da Câmara de Andradina (SP) informou que não foi notificado sobre investigação (Foto: Reprodução/TV TEM)


NOTÍCIAS RELACIONADAS

Rua Conselheiro Saraiva, 317 | Vila Ercilia | São José do Rio Preto - SP | Fones: 0xx (17) 3203-0077 | Diretor Presidente - Sergio da Silva Paranhos

Sindicato SETH - Todos os direitos - Desenvolvido por MaquinaWeb Soluções em TI